No Ar:
 Programa da Cinthia
Próxima atração:
 Fazendo rastros pelo Brasil


HOME

A RÁDIO

COMERCIAL

PROGRAMAS

NOTÍCIAS

BLOGS

PODCASTS

AGENDA

CONTATO

Notícias

Cidade
Sábado, 29 de Abril de 2017
   

Trinta e seis pessoas são detidas em atos contra reformas no estado de São Paulo


As manifestações que ocorrem desde cedo em vários pontos do país contra as reformas trabalhista e da Previdência prosseguem na noite de hoje (28), na cidade de São Paulo, e estão concentradas em dois pontos, segundo a Companhia de Engenharia de Tráfego (CET): Largo da Batata, em Pinheiros, zona oeste da cidade, e Marginal Pinheiros, com interdição da pista expressa, no sentido Interlagos, na zona sul.

Segundo a Secretaria de Segurança Pública de São Paulo, até o final da tarde de hoje, foram detidas 36 pessoas em todo o estado, sendo 21 na capital, em ações durante os protestos, por motivos diversos. Destas, seis foram levadas por policiais militares ao 65º Distrito Policial (DP). Com elas, a polícia apreendeu um galão de combustível aberto, tochas e isqueiros.

Em nota, a secretaria informou que o grupo também portava pregos retorcidos, conhecidos como “miguelitos”, usados para furar pneus de carros e viaturas. Parte dos suspeitos atirou rojões contra os policiais. Três pessoas foram presas em flagrante por explosão, incêndio e incitação ao crime e três, que foram ouvidos como testemunhas, serão liberados, de acordo com a secretaria.

Mais quatro homens foram detidos em flagrante, no fim da madrugada, por terem bloqueado um trecho da Rodovia Anhanguera e por tentarem fazer um bloqueio na Avenida Jornalista Paulo Zingg, região de São Domingos. Nessas ações, conforme a secretaria, os manifestantes usaram artefatos para furar pneus dos veículos e atearam fogo a outros pneus que foram usados para interditar vias públicas. Todos foram conduzidos ao 33º DP e autuados e vão responder por associação criminosa e atentado contra a segurança de meio de transporte. Eles foram liberados mediante pagamento de fiança.

Seis detidos levados para o 92º DP estavam tentando colocar fogo em um ônibus. Segundo a secretaria, como a ação não foi concluída – tendo sido colocado fogo apenas em uma caçamba de lixo – foi registrado um boletim de ocorrência de natureza "não criminal", e os manifestantes foram ouvidos e liberados.

Cinco dos 36 levados para distritos policiais foram detidos em Osasco, a oeste da Grande São Paulo. Eles murcharam o pneu de um ônibus e também foram liberados, após um deles, apontado como o autor da ação, assinar termo circunstanciado de atentado contra a segurança de outro meio de transporte.

Fonte: Agência Brasil




Link: http://capital1040.com/noticias/?n=18632
Arte e Lazer
Brasil
Chuvas
Cidade
Dinheiro
Educação
Eleições
Emprego
Esportes
Memória
Mundo
Polícia
Política
Previdência
Saúde
Serviço
Social
Trânsito

Blog da Capital
Blog Show de Bola Capital



Central do Ouvinte: (11) 3053-1040


HOME | A RÁDIO | COMERCIAL | PROGRAMAS | NOTÍCIAS | BLOGS | PODCASTS | AGENDA | CONTATO |

Todos os direitos reservados - Rádio Novo Mundo Ltda
Central do Ouvinte: (11) 3053-1040